Goiás é destaque em produção de tomate industrial no Brasil

Minuto Irrigação      sexta-feira, 2 de março de 2018

Compartilhe esta página com seus amigos

O Estado de Goiás tem uma participação de aproximadamente 65% de todo o tomate industrial plantado no país, que atualmente, é autossuficiente na produção do fruto para a indústria.

Já a importação e a exportação de polpa são pontuais, realizadas, principalmente, por algumas indústrias do nordeste e sul do Brasil.  Em 2017, o faturamento proveniente da produção de tomate no campo, indústria e comércio, chegou a 14 bilhões de reais.

Nessa edição do Minuto Irrigação, Lázaro Amaro Marques Júnior, gerente de campo da Fazenda Santa Fé, em Goiás, conta como tem lidado com os desafios para garantir um alto índice de produtividade e sanidade do fruto.

Lázaro explica que o primeiro passo é trabalhar o solo, analisar a estrutura e conhecer as necessidades da cultura em cada uma das suas fases de plantio, para que possa ser realizada ao longo do ciclo, as compensações de nutrientes necessárias.

"A iCrop veio para somar. O sistema, muito fácil de usar, nos auxilia nas análises de evapotranspiração e decisões do dia-a-dia e a presença semanal do técnico no campo para fazer a calibragem do sistema e orientar a equipe da fazenda é fundamental, completa Lázaro.

A Fazenda conta com a consultoria da iCrop Gestão de Irrigação para tomar as decisões diárias de irrigação, além de apoiar em variáveis essenciais como a análise do solo, controle de fitossanidade da cultura e gerenciamento da qualidade dos equipamentos de irrigação, garantindo maior eficiência na aplicação da água e proporcionando, além de economia de recursos, resultados financeiros mensuráveis ao produtor. 

Assista o vídeo: Minuto Irrigação - Tomate Irrigado na Fazenda Santa Fé em Goiás

Veja também: Confira a Prognose Meteorológica da iCrop para Fevereiro, Março e Abril


Cadastre-se e fique por dentro das novidades.